A dura vida de uma jammer

Naclara/ setembro 25, 2015/ Inspiração/ 6 comments

Jammer. “A menina com a estrela no capacete”, “a pontuadora”, “a atacante” (gosto dessa “tradução” em particular), “o foco da porradaria”, “o pombo da corrida maluca”… O que preferirem. É a pessoa que têm a função de gerar pontos pro seu time ultrapassando as adversárias e, é claro, não vai ser nada fácil.

– Você é a próxima jammer.

talking to me

Não sei como isso soa pra vocês, mas tenho certeza que têm muitos sentimentos envolvidos. É aquela hora que o frio na barriga aperta, você vê se ainda dá tempo de ir ao banheiro devido à dor de barriga súbita que te dominou ou, por sorte, você já passou por essa fase e agora só pensa “ok, vou lá chutar umas bundas”. Em qualquer um dos casos é sempre uma grande responsabilidade entrar no track com a estrela no capacete e é preciso ter calma para não se deixar levar pelo nervosismo.

O que ajuda a combater o nervosismo em tudo na vida (jogo, trabalho, apresentações, provas, entrevistas, etc) é saber que você se preparou o melhor que pôde nas condições que tinha. Então, o que fazer para chegar no dia com a consciência tranquila?

 

1) Habilidades de patinação e físicas

Não só pule o apex, sambe. (mentira, pode "só" pular que já é bem bom)

Não só pule o apex, sambe. (mentira, pode “só” pular que já é bem bom)

É essencial que você tenha o domínio básico da patinação em si (isso para qualquer jogadora), mas é preciso ir além como jammer. O equilíbrio em situações adversas é fundamental. Você vai apanhar MUITO, então não pode se deixar cair por qualquer empurrão. Pra isso é preciso também desenvolver a força, em especial toda a região do core (costas, abdomen), peitoral, coxas… basicamente quase tudo. x)

Agilidade footwork (movimentação rápida dos pés) serão seus melhores amigos para fugir nos momentos em que as blockers vêm com sangue nos olhos pra te tirar da pista.

Explosão (tchacabum! haha) para conseguir sair rápido depois de passar a última blocker, para levantar logo quando cair, para pular de um canto pro outro e voltar ao track quando for jogada pra fora.

Resistência para aguentar ficar sendo o foco dos hits por 2 minutos intensos de jam e correr e pular e se comunicar e respirar e rodar e cair e levantar e… Serão os dois minutos mais longos da sua vida e que se repetirão a cada novo jam por 1 hora de jogo, então esteja preparada.

Vamos abordar detalhes de treino sobre esses tópicos em postagens mais à frente, aguardem. ;)

 

2) Visualização

Meu amigo português mentalizando a jogada.

Meu amigo português mentalizando a jogada.

Se você vai ser jammer em um jogo ou treino, mentalize suas jogadas. Pense em você passando primeiro, marcando pontos, passando todas as blockers, esquivando, pulando, jukando… O treino mental (tem um link aqui) desencadeia disparos neurais nos músculos e cria um modelo mental que pode ajudar no desempenho futuro. Interessante, né?

 

3) Atitude

rose city 3    rose city2

Vai, gata, arrasa! O track é seu, se joga!

Tenha confiança, não fique apavorada quando estiver jogando como jammer (e blocker também), isso acaba sendo transmitido para a outra equipe, que pode usar isso contra seu time. Mesmo que você não esteja confiante, tomar uma postura de alguém que está pode influenciar seu corpo a realmente acreditar nisso (tem um link aqui).

Mentaliza: eu sou a Scald Eagle boladona assustando as oponentes

Mentaliza: eu sou a Scald Eagle boladona assustando as oponentes

Tenha uma atitude positiva mesmo quando seu time não estiver ganhando, ninguém precisa de alguém resmungando no track e piorando a situação.

Outra dica legal é entrar a cada jam com a mente limpa, sem lembrar dos erros do jam anterior nem muito agitada por alguma jogada feita. Esqueça os jams anteriores e não anseie os futuros. Não adianta nada, só entre e jogue seu melhor. Ficar se preocupando com erros passados só vai te fazer mentalizá-los e repeti-los, como disse o tópico anterior. A sua cabeça realmente comanda seu corpo, não se esqueça.

 

Para um post futuro, gostaria de saber de vocês, quem são suas jammers preferidas? Digam nos comentários ou mandem um e-mail para naclara[a]pensederby.com.br!

É isso! Calling off the jam agora. ;)

 

Referências:
http://pivotstar.com/derby-drill-jammer-brain/
http://www.telegraph.co.uk/men/active/10568898/Sports-visualisation-how-to-imagine-your-way-to-success.html
https://www.psychologytoday.com/blog/the-superheroes/201107/why-you-may-want-stand-superhero
www.rdjunkies.tumblr.com
Share

About Naclara

Ana Clara Miranda por nascimento. Naclara ou Portu´Gal por batismo de track. Atleta da seleção brasileira de Roller Derby. Treinadora e jogadora da liga Sugar Loathe Derby Girls, do Rio de Janeiro.

6 Comments

    1. Essa é destruidora mesmo! Uma das preferidas da galera!

  1. Loren Mutch, Kamikaze Kitten e lógico… Scald Maravilhosa Eagle

    1. Ai, quantas lindas!!! (olha a demora na minha resposta, como não vi esse seu post?! =o )

  2. Scald Eagle, Loren Mutch e uma tal de Portu´Gal. ;)

    1. Oooown! Agora que vi isso aqui! Que saudade!!!

Leave a Comment