Combinando rodas: pushers e rollers

Naclara/ janeiro 22, 2016/ Tutoriais/ 8 comments

 

Crédito da foto de destaque do post: Ashleigh Nushawg

Você já viu algumas jogadoras usando diferentes rodinhas combinadas em seus patins? Já pensou por quê? Será que faz sentido?

Usando combinação de rodas, os "pushers". Summers Eve-L, foto de M. Cogswell.

Usando combinação de rodas, os “pushers”. Summers Eve-L, foto de M. Cogswell.

 

Usar combinação de rodas é usar pushers. Aqui vou exemplificar que tipos de combinação de pushers existem, para que servem e também mostrar por que algumas pessoas são contra esse uso.

Se você faz parte do pack como blocker, você não vai precisar ser muito rápida, focando mais em estabilidade, aderência ao chão e equilíbrio. Uma blocker pode querer ter rodas que agarrem mais, mantendo sua estabilidade, mas ter rodas que a ajudem igualmente a fazer um plow com a quantidade certa de deslize dos patins. Já uma jammer tende a acelerar mais e ter que fazer curvas mais fechadas e de forma mais rápida, porém sem perder aderência. Para diversas situações existem as combinações exemplificadas abaixo, usando rodas de aderência (pushers, rodas mais macias, entre 84A e 91A) e rodas de velocidade (speed, rodas mais duras, entre 88A e 101A).

Lembrando que essas combinações funcionam melhor se você for um patinador ou patinadora que aplique as forças corretamente distribuídas, com a execução correta do movimento e distribuição apropriada do peso.

Não combine rodas de diferentes alturas, mesmo que seja 1 mm de diferença. Não irá te favorecer em nada. Rodas de larguras diferentes também não são indicadas, mas menos problemático se acontecer (se você já for mais experiente patinando).

Abaixo seguem as combinações e alguns nomes pelas quais são conhecidas. Para fins didáticos, vamos considerar as rodas verdes como duras e as roxas como macias.

 

Normal/ Standard:

Normal - 8 rodas iguais

Normal – 8 rodas iguais

Combinação: Todas as rodas de mesma dureza, de acordo com sua preferência.

Por que usar?: Se forem todas duras, você terá maior velocidade, mas se o chão for muito liso, escorregará mais. Se forem todas macias, você vai ficar mais estável e agarrar mais ao chão, não tendo tanta velocidade.

 

The Kramer:

The Kramer

The Kramer

Combinação: Apenas a roda esquerda da frente de cada pé mais macia.

Por que usar?: Dá boa velocidade adicionando um pouco mais de aderência (grip). Quando estiver fazendo as curvas muito rápido, com essa combinação, você consegue não ser expelido na curva, mas ainda vai conseguir ter aquela leve deslizada (drift), pra dar mais emoção.

 

The Jerry:

The Jerry

The Jerry

Combinação: Nos dois pés igualmente as rodas da esquerda são duras e as da direita macias.

Por que usar?: Com essa combinação você consegue uma boa velocidade na hora do crossover, mas consegue agarrar nas curvas. É bom para jogadoras leves que querem ter uma maior inclinação na curva sem sair. Quem é fã de fazer aquele hockey stop pra esquerda sem perder o deslize (drift) mas sem escorregar, essa também é uma boa combinação.

 

The Sporty/ The Morty:

The Sporty / The Morty

The Sporty / The Morty

Combinação: Nos dois pés igualmente, temos a roda da frente da esquerda e a de trás da direita macias e as rodas da frente da direita e atrás na esquerda duras. As rodas macias e duras encontram-se diagonais entre si opostamente.

Por que usar?: Essa combinação é legal para patinadoras que curtem movimentação tanto de frente quanto de costas, porque na hora de fazer a curva de frente as rodas dianteiras da esquerda garantem a aderência para não deslizar e o mesmo acontece quando a pessoa está de costas, pois as macias da direita de trás agora cumprem a mesma função.

 

Super Grip:

Super Grip

Super Grip

Combinação: Igualmente nos dois pés, as rodas da esquerda são macias e as da direita são duras.

Por que usar?: Garante muito mais aderência nas curvas, mas por ter as outras rodas duras, não perde completamente a agilidade quanto se todas fossem macias.

 

Deslize interno:

Deslize interno

Deslize interno

Combinação: No pé esquerdo temos as todas da esquerda macias e as da direita duras, enquanto no pé direito temos o espelho: rodas duras na esquerda e macias na direita.

Por que usar?: Essa combinação mantém seu plow com algum deslize sem agarrar completamente, permitindo você se manter na posição sem ter q mover os pés tanto. As rodas macias nessa combinação ajudam a não deslizar e não perder muito o controle.

 

Deslize para a direita:

Deslize para a direita

Deslize para a direita

Combinação: Igualmente nos dois pés, as rodas macias ficam na esquerda e as duras na direita.

Por que usar?: Essa combinação funciona para pessoas que costumam ficar mais na posição da inside e precisam ter a aderência para não deslizar para fora da pista, mas precisam de algum deslize ao virar para a direita e bloquear a jammer (em um bloqueio mais lateral, por exemplo, enquanto faz um “tornado”).

 

Resumo:

Aumento da velocidade de acordo com o aumento da dureza das rodas.

 

Os contras:

Há uma vertente de patinadores que evita a todo custo usar qualquer combinação de pushers, pois considera-se que o ideal seja ter um conjunto de oito rodas iguais ideal para os tipos de chão que você patina regularmente. A ideia da utilização de pushers, nesse caso, seria apenas para ocasiões em que você não conhece o chão e não tem o conjunto certo de rodas para ele, então você precisa usar uma combinação das que você já tem para poder usar aquela superfície nova.

Outra justificativa para não se usarem pushers se refere ao fato que o roller derby não é um jogo onde você patina somente em círculos livremente. É preciso muita movimentação lateral, pra trás, sempre mudando de direção, logo contar com combinações para questões específicas possa não ser o ideal.

 

Minha opinião de terceiro mundo:

Um homem sheedi in Hyderabad, Paquistão. Fotografia do projeto http://thesidiproject.com/

Um homem sheedi in Hyderabad, Paquistão. Fotografia do projeto http://thesidiproject.com/

Quem já precisou comprar rodas novas aqui no Brasil (e provavelmente na América Latina toda) sabe a dificuldade que é. Você não tem como experimentar, fica dependendo das rodas usadas das suas amigas para ver como é e quando você finalmente decide qual comprar, tem que enfrentar a facada no bolso que é a importação ou pedir pra algum amigo que viajou para os Estados Unidos ou Europa trazer na mala, por amor ou por favores (cada um escolhe o seu haha).

Logo, ter um jogo completo de 8 rodas (e bom, sem tanto desgaste) para cada superfície que se patina é o equivalente a ser algo próximo a milionário. A maioria das pessoas vai revezando as rodas antigas, novas, compradas semi novas, e por aí vai. Todos esses fatores se tornam mais propícios ao uso de pushers por aqui, mas em geral, pela própria falta de conhecimento, acaba não acontecendo.

Eu, particularmente, me adaptei a 8 rodas duras e tento me virar com elas em quadras mais ou menos lisas, às vezes usando um pouco de açúcar para dar mais aderência (você patina em cima de um pouco de açúcar e a roda fica mais “melada”, grudando mais).

Espero que esse post tenha dado uma luz na utilização da combinação de rodas e vocês possam testar o que mais se encaixa na patinação e local de treino de cada um.

Boa patinação!

 

 

Share

About Naclara

Ana Clara Miranda por nascimento. Naclara ou Portu´Gal por batismo de track. Atleta da seleção brasileira de Roller Derby. Treinadora e jogadora da liga Sugar Loathe Derby Girls, do Rio de Janeiro.

8 Comments

  1. Agora sabemos de onde vem o “sugar” da SLDG :D

    1. Obrigada, Lídia! Vc gostar é muito importante pra mim! <3

  2. Mais uma informação valiosa, obrigado Ana !!

    1. De nada, Edimar! Espero q ajude na sua busca. ^^

Leave a Comment